Ansiedade, Transtorno de Ansiedade Generalizada, TAG

Ansiedade, Transtorno de Ansiedade Generalizada, TAG

Os medicamentos Ansiolíticos não devem ser usados por muito tempo, por causa de risco de dependência, de tolerância e de outros efeitos colaterais. Quando o tratamento for mais longo, preferimos Antidepressivos, Neurolépticos ou Betabloqueadores.

Ansiedade não se trata só com remédios. Muitos pacientes tomam medicamentos contra a Ansiedade e quando suspendem, ela volta. Ansiedade não é uma doença. Muitas vezes precisa eliminar as causas, quando elas vêm de fora ou fazer psicoterapia, quando ela vem de dentro. Algumas medidas podem melhorar muito sua qualidade de vida e baixar a ansiedade sem precisar usar constante de medicamentos:

  • Mudanças de hábitos.
  • Menos cafeína (café e refrigerantes).
  • Mais lazer.
  • Mais prazeres e menos deveres.
  • Yoga ou Meditação ou Tai Chi Chuan.
  • Psicoterapia.

Portanto, sempre que as páginas seguintes contiverem uma conduta medicamentosa, essa sugestão de conduta inclui os itens acima.

Sinto o pescoço pulsar, taquicardia, dor no peito, tremedeiras nas pernas e os exames cardiológicos são normais.

Sinto o pescoço pulsar, uma bola na garganta, parestesias (formigamentos, agulhadas, choquinhos) na mão, pulso e antebraço esquerdos, parece que posso sentir as veias pulsando. Dores no ombro esquerdo, taquicardia e dor no peito, tremedeiras nas pernas e calorões pelo corpo, arrepios e pressão na cabeça, dores na mandíbula, dor nos músculos, também tive algumas vezes falta de ar nos últimos dias. Há dias em que nem tenho vontade de comer, só como por obrigação e não mais por prazer, tenho medo de fazer exercícios e passar mal, mesmo já tendo feito exames cardíacos. Quase tudo o que acontece comigo é do lado esquerdo do corpo.

Uma vez que você já foi ao cardiologista, vá a um clínico geral para excluir doenças orgânicas, na verdade bem improváveis pelas características desses sintomas. Se teu clínico geral concluir por ansiedade, ele certamente conhece algum psiquiatra na tua cidade para quem encaminhar.

Ansiedade com angústia, tristeza, desânimo, inspirando fundo para completar a respiração melhora com Bupropiona?

Quero agradecer aos profissionais o excelente serviço prestado por este site. Tenho problema de depressão ansiedade e síndrome do pânico. Tomava Assert e nos períodos de recaída associava Sulpan. Mesmo com essa combinação o problema persistia diariamente (muita angústia, tristeza, desânimo, tenho que ficar inspirando fundo para completar a respiração etc.). Meu médico trocou a medicação por Bup, Lexotan e Rivotril. Após 10 dias comecei a sentir angústia pela manhã e piora dos sintomas como se fosse iniciar um ataque de pânico e muita agonia. Meu médico é um cardiologista, mas também tem formação em psiquiatria. Muito obrigado pela atenção e fiquem com Deus.

Bup (Bupropiona, Wellbutrin, Zyban, Zetron) pode piorar a ansiedade. Existem outros medicamentos, assim como técnicas alternativas descritas na página de Ansiedade Generalizada mais apropriados para tratar ansiedade. Eu procuraria um especialista.

Qual o melhor remédio para ansiedade, Paroxetina ou Lexapro?

Qual o melhor remédio para ansiedade, Paroxetina ou Lexapro? Tomo Paroxetina e me sinto ótimo, só que muita gente vem me dizendo que o Lexapro é o melhor. Posso mudar a Paroxetina para o Lexapro?

Não existe "o melhor remédio", se existisse ele seria o único e ninguém mais tomaria os outros. O melhor de todos é o que está funcionando bem e com poucos efeitos colaterais para você. Outro fato: remédio mais moderno não quer dizer remédio melhor. Leia a página sobre Como escolher o antidepressivo?

A Meditação vai me ajudar a controlar os ataques de ansiedade?

Olá, eu queria uma orientação. Comecei com sintomas ansiedade: taquicardia, ficava gelada, dava um nó na garganta além de seca e muita falta de ar, aí primeiro fui ao cardiologista (pois não sabia), fiz exame de Holter e ele viu que não tinha nada, me passou Atenolol (pra bloquear a adrenalina do coração) de manhã e Alprazolam à noite. Quando vi que tomando esses remédios ainda estava com sintomas de ansiedade, resolvi mudar um estilo de vida (aonde achava que vinha boa parte dessa ansiedade) e procurar meditação e me sinto bem melhor, nem tomo mais o Atenolol e quero parar com outro, só ainda não procurei um psicólogo e gostaria que tipo de tratamento pudesse me ajudar, sem remédios, pois ainda não estou 100%. Obrigada.

É isso mesmo, esses ataques de ansiedade servem para nos alertar que algo não está bem em nosso estilo de vida. A Meditação, as mudanças de hábitos e uma psicoterapia breve vão te ajudar muito.